sábado, 15 de agosto de 2015

Paulínia recebe primeiro sistema subterrâneo de coleta de lixo

A cidade do interior de São Paulo é a primeira a receber a tecnologia que veio da Europa e chega a reduzir em até 30% os custos de coleta.
Nas calçadas, lixeiras de aço inoxidável são instaladas com separação dos resíduos por tipo de material. No subsolo, há grandes coletores (de 3 mil litros) que são retirados em dias específicos da semana com o auxílio de uma grua presa ao caminhão de lixo. O sistema já recebeu alguns prêmios na Europa e apresenta vantagens como:

O lixo fica armazenado de forma segura. Não há perigo de ser arrastado pela chuva ou rasgado por animais;
Há redução do mau cheiro do lixo e da proliferação de bichos como ratos e baratas;
O lixo já é recolhido separadamente. Dessa forma, a destinação correta para reciclagem é facilitada e tem seus custos diminuídos;
 menos gasto com mão de obra (e o serviço torna-se mais seguro para os trabalhadores) e com deslocamento de caminhões.
O sistema deve ser instalado na cidade de São Paulo em 2012. Quer entender como funciona a coleta subterrânea? Assista ao vídeo abaixo, da empresa Sotkon, responsável pela implantação do sistema em Paulínia:
(Imagem: Sotkon/Site)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostaria de sua opinião sobre nossas postagens